Boletim de Fechamento

Fechamento de Mercado – 20/07/2018

Brasília, 18 de julho de 2018

NOTAS ECONÔMICAS — Fechamento dos Mercados

Resumo diário: Os mercados domésticos subiram embalados pela melhora de percepção de risco eleitoral, que surgiu já no fim da sessão de ontem, em resposta aos primeiros sinais da aliança do chamado Centrão com o presidenciável Geraldo Alckmin, do PSDB. O cenário internacional também contribuiu positivamente para o tom positivo no ambiente interno, baseado em declarações do presidente dos EUA de que uma alta de juros no país tiraria deles vantagem competitiva.

Bolsa: O Ibovespa subiu desde a abertura em reflexo à aliança entre o Centrão e o presidenciável Geraldo Alkmin, ainda que o ambiente eleitoral siga rodeado de incertezas. Na agenda doméstica, o único destaque foi o IPCA-15 que registrou alta de 0,64% em julho, após +1,11% em junho, revelando que os efeitos da greve dos caminhoneiros no fim de maio e início de junho ficou mais restrito que o estimado. O Ibovespa encerrou o dia em alta de 1,42%, aos 78.590 pontos.
Juros: Os juros futuros fecharam a sessão em queda, vista ao longo de toda a curva, mas mais pronunciada nos contratos a partir de 2021. Como este trecho é mais sensível à percepção de risco político, houve alívio grande nos prêmios em razão da aliança entre os partidos do Centrão e o PSDB na corrida presidencial. O Depósito Interfinanceiro (DI) para janeiro de 2019 fechou em 6,705%, de 6,738% ontem no ajuste. A taxa do DI para janeiro de 2021 fechou na máxima de 9,07%, mas ainda assim bem distante do ajuste anterior (9,17%)
Dólar: O dólar operou desde cedo em forte queda ante o real, dando continuidade ao movimento iniciado nos últimos minutos da sessão de ontem. O ajuste reflete o otimismo com a candidatura do ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) à Presidência. O tucano recebeu apoio do cobiçado "Centrão", bloco formado por DEM, PP, PR, PRB e Solidariedade e que reúne 164 deputados em exercício e cerca de 40% do tempo de TV. A moeda norte-americana encerrou o dia em queda de 1,70%, valendo R$ 3,77.

Esta publicação foi produzida pela GEREI – Gerência de Relações com Investidores, e tem caráter primordialmente informativo. As opiniões e informações contidas neste relatório são estimativas referentes à data do informativo e foram elaboradas com base em dados de fontes, em princípio, confiáveis e de boa-fé, porém, não há nenhuma garantia expressa ou implícita, sobre sua exatidão. Assim, a DIRFI/GEREI não se responsabiliza por qualquer risco, perda direta ou indireta que seja consequência de imprecisão contida no relatório ou da utilização de seu conteúdo, bem como não configura qualquer garantia de rentabilidade. Todas as perspectivas de mercado derivam de nosso julgamento e podem ser alteradas tempestivamente sem aviso prévio, por conta de mudanças que possam afetar as estimativas fornecidas pela área. Ressaltamos que este trabalho não constitui nenhuma oferta de venda ou solicitação para compra de quaisquer títulos e valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros. Elaboração: DIRFI/GEREI. Fontes: AE Broadcast, BACEN, IBGE, FGV e LCA Consultores.