Boletim de Fechamento

Fechamento de Mercado – 08/12/2017

Brasília, 08 de dezembro de 2017

NOTAS ECONÔMICAS — Fechamento dos Mercados

Resumo diário: A despeito da cautela em virtude das discussões em torno da reforma da Previdência, investidores equilibraram um pouco os mercados locais no período da tarde, direcionando o foco para o bom resultado da inflação e para a melhora do humor nos mercados internacionais.

Bolsa: O noticiário internacional favorável manteve commodities e bolsas em alta e exerceu papel importante no desempenho do índice Bovespa. No ambiente interno, a previsão de que a reforma da Previdência será votada no próximo dia 18 foi bem recebida pelos investidores. O índice encerrou o dia com ganho de 0,34%, aos 73.731 pontos.
Juros: Os DIs devolveram uma pequena parte do avanço de ontem, amparados pelo resultado do IPCA do mês de novembro, abaixo do piso das estimativas, e pela perspectiva com relação à votação da reforma da Previdência. No fim do pregão, o DI Jan/19 mostrou recuo de 7,01%, ante 7,06% do dia anterior. O DI Jan/21 saiu de 9,27% para 9,25%.
Dólar: O mercado de câmbio iniciou o dia com o dólar atingindo sucessivas máximas, amparadas pelo placar de intenções de voto dos deputados sobre a reforma da Previdência, divulgado pelo Broadcast. No entanto, o movimento perdeu força durante a tarde, reduzindo a alta. A divisa norte-americana encerrou o dia valendo R$ 3,29.

Esta publicação foi produzida pela GEREI – Gerência de Relações com Investidores, e tem caráter primordialmente informativo. As opiniões e informações contidas neste relatório são estimativas referentes à data do informativo e foram elaboradas com base em dados de fontes, em princípio, confiáveis e de boa-fé, porém, não há nenhuma garantia expressa ou implícita, sobre sua exatidão. Assim, a DIRFI/GEREI não se responsabiliza por qualquer risco, perda direta ou indireta que seja consequência de imprecisão contida no relatório ou da utilização de seu conteúdo, bem como não configura qrea. Ressaltamos que este trabalho não constitui nenhuma oferta de venda ou solicitação para compra de quaisquer títulos e valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros. Elaboração: DIRFI/GEREI. Fontes: AE Broadcast, BACEN, IBGE, FGV e LCA Consultores.ualquer garantia de rentabilidade. Todas as perspectivas de mercado derivam de nosso julgamento e podem ser alteradas tempestivamente sem aviso prévio, por conta de mudanças que possam afetar as estimativas fornecidas pela á